Rio de Janeiro: deixei meu coração no Forte de Copacabana

2
Forte foi inaugurado no ano de 1914 com o objetivo de defender a Baía da Guanabara

A  praia de Copacabana encanta diariamente os  cariocas e toda a fauna de turistas e viajantes que se deparam com sua beleza inigualável. Em sua orla em formato de meia-lua, a vida borbulha em eventos, praia, hotéis,restaurantes, esportes e muita diversão. No posto 6 ao lado da vila dos pescadores entre as praias de Copacabana e Arpoador está localizado um dos pontos turísticos mais visitados da Cidade Maravilhosa: o Forte de Copacabana.

Tenho uma grande cumplicidade com o forte, passei parte da minha infância morando na rua Siqueira Campos (entre o forte e o Arpoador) e vira e mexe minha mãe me levava em passeios pelas imediações da fortaleza.  Recentemente, decidi fazer uma visita e fiquei surpreendido diante da vista deslumbrante da praia e da programação cultural diversificada.

No complexo acontecem exposições de arte, concertos de música clássica, espetáculos de dança, ciclo de leituras e encontros de corais. O forte foi inaugurado no ano de 1914 com o objetivo de defender a Baía da Guanabara para qualquer escaramuça de possíveis inimigos. Caminhar pelas alamedas arborizadas ou simplesmente tomar um suco ou desfrutar de uma refeição na tradicional Confeitaria Colombo já vale o passeio. Tudo é impecavelmente deslumbrante.

Forte de Copacabana
Forte de Copacabana é tombado desde 1971

O conjunto da fortaleza foi tombado pelo Iphan (Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) em 1971. O museu Histórico tem uma série de itens curiosos, conta vários episódios da história do exército brasileiro com diversos trajes, uniformes, elmos e capacetes. Existe também reproduções em miniaturas de grandes batalhas e uma mecha do cabelo de Napoleão Bonaparte.

A  grande pedida é conhecer as instalações dos canhões na extremidade do rochedo. O visual é impressionante das cúpulas blindadas e os canhões Krupp diante da imensidão do oceano. Quando for ao Rio de Janeiro faça uma visita ao forte você não irá se arrepender.

Igreja Nossa Senhora de Copacabana
Igreja Nossa Senhora de Copacabana

Na área do forte existia a igreja Nossa Senhora de Copacabana, cuja réplica da imagem da santa foi trazida da cidade de Copacabana à beira do lago Titicaca na Bolívia. Tornou-se então padroeira do bairro que ganhou seu nome. Infelizmente a igrejinha foi derrubada devido a localização privilegiada e onde foi construído o forte.

O forte foi palco da rebelião militar do Movimento Tenentista em 1922. A revolta culminou com o levante do Forte de Copacabana e de outros quartéis. O episódio ficou conhecido como “Os dezoitos do forte”. Após uma resistência heroica contra as tropas legais quase todos foram mortos com exceção de Eduardo Gomes e Siqueira Campos dois tenentes do exército.

Siga @verissimoarthur